quarta-feira, 18 de maio de 2011

SIM , TAMANHO É DOCUMENTO !


Você já deve ter se cansado de ouvir a declaração de que “tamanho não é documento”. É uma daquelas frases auto-iludidas, como “é dos carecas que elas gostam mais”. Desculpe, mas a maioria de nós não gosta de carecas. (Falta de cabelo pode indicar baixo nível de testosterona, que é um hormônio que não pode faltar num homem.) Da mesma forma, é preciso encarar que tamanho é documento, sim, senhor.
É claro que estamos falando do nosso amigo pênis. Sem essa de dizer que o que conta para as mulheres são as preliminares. Ou que o prazer feminino depende do envolvimento com o dono do pênis em questão. Claro que tudo isso é importante. Mas a gente, tanto quanto os homens, também gosta de carne. Carne bonita. Muita carne. Se homem gosta de bumbum grande e seios fartos, por que a gente não pode gostar de volumes generosos também?

Que me desculpem os maldotados, mas o nosso prazer depende, sim, do tamanho do pênis. Estou falando do prazer no intercurso. Mas também do prazer visual, tátil. Se o rapaz tiver o melhor beijo do mundo e um pênis minúsculo, boa parte do esforço – o dele e o nosso – vai por água abaixo. Não há como negar. (Confesso que não consultei especialistas para chegar a essa conclusão: consultei garotas. Mas você quer alguém melhor para perguntar?)

O mito de que tamanho não é documento vem provavelmente de uma velha idéia machista de que mulher não gosta de ter prazer pelo prazer. Ou seja: o prazer físico seria privilégio dos homens, que são encorajados a fazer isso desde o momento em que deixam de engatinhar. Às mulheres caberia um interesse meramente emocional, quase platônico, em relação ao sexo. Saiba que não é assim. Mulher tem tesão, gosta de corpo, de curvas e precisa de prazer tanto quanto um latagão qualquer. Chega dessa história de que, para o rapaz, quanto mais mulheres arrecadar, melhor. Enquanto para a menina, vale o contrário: quanto menos viver, quanto menos curtir, melhor. Toda a diversão para eles e só culpa e vergonha para a gente? Chega.
Dizer que o tamanho do pênis não importa é deixar de reconhecer que também existem mulheres que procuram sexo sem envolvimento. Algo que não tem nada a ver com amor, casamento ou relacionamento emocional. A gente também gosta dessas coisas, claro. Assim como é evidente que ninguém se apaixona por um pênis sozinho, existem milhares de outros fatores que podem eventualmente tornar o tamanho do pênis um quesito secundário. Mas nada disso garante a alguém imaginar que, para as mulheres, o tamanho do pênis é apenas um pequeno detalhe. Não é.

É triste viver numa sociedade que pune, ainda que veladamente, as mulheres que transam numa boa e que falam a verdade sobre o assunto como, por exemplo, que o tamanho é importante, sim, senhor.

7 comentários:

  1. Po, se tamanho é documento estou ferrado!! Tenho que incrementar minhas habilidades para suprir a "falta de carne".

    Anyway.. é claro que nós homens gostamos de seios fartos bundas grandes.. mas adoramos bundinhas delicadas e seios pequeninos, sabe?

    Porque mulheres não gostam de pintinho também?

    Ehehehe

    ResponderExcluir
  2. kkkkkk. Há gosto pra tudo!

    Não falei por todas, mas sim pela maioria...

    Beijoos querido! Volte sempre

    ResponderExcluir
  3. Gatinha...
    realmente seu post é de opinião...
    hihihihi Estou fugindo à regra..
    Não gosto de caralhos enormes não.
    E amo um careca...acho super sexy...
    Gosto é gosto, realmente, não se discute.
    beijos minha linda.. tenha um dia maravilhoso...
    Com carinho,
    Myah

    ResponderExcluir
  4. putz falou tudo q penso n q um pekenino n vale a pena mas vou te contar tbm é minha preferencia mas como n sou tbm a preferencia nacional sem preconceitos né hihihihihihi

    ResponderExcluir
  5. tudo tem limites.
    acho que ENOOOOOORME TAMBEM NAO DA.
    mais pequenininho é foda.tem que ser meio termo.que preencha uma vagina, uma boca. e etc.
    renata tem toda razao . nao sao todas as mulheres que gostam de penis um pouco maior ,mas a maioria.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. O que seria pequeno, Renata?

    ResponderExcluir