terça-feira, 23 de novembro de 2010

O que fazer pra uma transa não ser arruinada em instantes...

Coloquei aqui cinco detalhes importantes pra vc nao pecar por besteira... E conquistar o bonitão.


Masturbação não é tão simples assim Masturbar um cara não é só fazer joinha pra cima e pra baixo. Altere intensidade. Se o cara estiver te masturbando também, acompanhe o ritmo dele, se começar a te tocar mais rápido, acelere. Isso mostra que vocês estão na mesma sintonia e que está curtindo o estímulo dele. Após um tempo batendo uma, um líquido começa a sair do amigão, passe o polegar (de leve) por cima da cabeça (não da sua) e o espalhe no mastro. Repita esse procedimento no máximo 3 vezes, mais que isso incomoda. Outra coisa, quando o beijo estiver mais intenso, pare de bater, apenas segure com uma pressão um pouco maior e quando passar a intensidade do beijo, volte a bater com vontade.

Oral não é só por o meninão na boca -  Já fiz dois posts bem completos sobre isso. Porém, sempre é bom retomar algumas dicas. Um oral bem feito não se resume a esconder o membro do cara dentro da boca. O olhar, as bufadinhas, a respiração mais pesada no ato e o saco são coadjuvantes que fazem toda a diferença quando bem trabalhados. Porém, minha dica principal para não fazer besteira é tomar cuidado com os dentes. Eles são um dos principais responsáveis pelo oral ser uma merda. Podem ocasionar dois problemas, um no curto prazo e outro no médio. No curto, o cara não vai suportar de dor e irá te puxar lá debaixo para ir logo para a penetração. No médio você não tem ideia do que rolou, mas os homens sim. Basicamente, você não esconde o dente suficientemente e volta e meia um dentinho passa no meninão. Isso não dói, pois o conjunto todo está bacana. Só que essa porra vai esfolando. E ai só dia seguinte sabemos o resultado do desastre. Sexo mal feito dá para tolerar, agora oral e masturbação, não.

Demonstre que está curtindo o oral – Homens precisam de reconhecimento. Não no sentido de você ter que falar “Ai, como você foda”, “Incrível seu desempenho na cama”, quem precisa disso tem baixa auto-estima! O melhor reconhecimento vem por meio de gestos, de expressões. Por exemplo, em um sexo oral, demonstre que está bacana. Quando ele acertar na chupada ou fazer algo prazeroso, corresponda com gemidinhos ou bufadinhas, deslize a mão pela cabeça dele e aperte o cabelo de leve. Você pode ter seu momento de múmia que fica mudinha para curtir do seu modo, mas não se esqueça que tem alguém ali embaixo preocupado em te agradar.

Passar a mão no saco por cima – Tai uma coisa muuito boa e que poucas mulheres fazem. Quando você estiver por cima do cara, leve a mão lá pra baixo e passe a massagear o saco dele. A sensação é ótima.

Vai gozar? Então demonstre! – Não é tão fácil assim saber se a mulher chegou lá. Se você não sinalizar de alguma forma, o cara não vai ser obrigado a saber que você já chegou lá e ai ou vai ficar esperando você conseguir ou vai ficar encanado por não ter conseguido fazer com que você goze.

Um comentário:

  1. To quase la. e depois dessas dicas ele vai enlouquecer. =)

    ResponderExcluir